XADREZ

 

Este regulamento será regido pelas regras da FIDE, CBX e pelo Regulamento Geral dos JOBIS, ressalvando as partes específicas da competição discriminadas abaixo:

 

Art. 1º – A modalidade de xadrez será disputada na forma pensada, individualmente. Não haverá pontuação por equipe. A premiação será individual. 

Art. 2º As de inscrições dos atletas deverão ser efetuadas nos site dos jogos conforme Regulamento Geral dos JOBIS.

Parágrafo Único – Os atletas confirmados na Reunião Técnica Específica não poderão ser substituídos durante a competição, independentemente das razões ou motivos. 

Art. 3º – Serão contados para efeito de classificação 1 (um) ponto por vitória, ½ (meio) ponto por empate e 0 (zero) por derrota. 

Art. 4º – O sistema a ser adotado na competição será o SUÍÇO, no programa “Swiss Perfect”. 

Art. 5º – Os jogadores serão sorteados e receberão um número, o qual será mantido até o final da competição para fins de emparceiramento, divulgação das rodadas e confecção das tabelas de pontuação. 

Art. 6º – Cada partida será jogada conforme o tempo da modalidade: pensado. 

Art. 7º – A ordem das rodadas e os emparceiramentos serão afixados após o término de toda a rodada e após o conhecimento dos resultados das partidas. 

Art. 8º – O jogador que chegar atrasado jogará no tempo que lhe restar no relógio.

Parágrafo único – A tolerância será de meia hora, sendo que após este tempo, o jogador que não comparecer perderá por W.O. 

Art. 9º – No caso de empate, para classificação, serão observados – pela ordem – os seguintes critérios:

  1. a) Soma dos Milésimos totais;
  2. b) Soma do Milésimos medianos;
    c) Sonnebor-berg;

Art. 10 – Nenhuma partida deixará de ser realizada por falta de árbitros. O Delegado do Jogo ou representante do Comitê Organizador Nacional, em conjunto com as equipes presentes, indicarão representantes para atuarem como árbitros. 

Parágrafo único – Neste caso, a partida deverá será iniciada no horário estabelecido, seguindo normalmente até a chegada do árbitro ou auxiliares oficiais, quando a partida será paralisada e efetivada a substituição. 

Art. 11 – A qualquer época, a Coordenação Nacional dos JOBIS – caso considere importante – acrescentará novas instruções visando esclarecer dúvidas e assegurar o bom andamento do campeonato.

Art. 12 – Os casos não previstos neste regulamento poderão estar contidos  no Regulamento Geral dos JOBIS, ou serem editados em ANEXOS, que serão parte integrante deste Regulamento e do Regulamento Geral dos JOBIS. 

Art. 13 – Os casos omissos neste Regulamento ou que venham a gerar dúvidas de interpretação serão resolvidos pelo CNJ.

2 Comentários

  • Neurismar Reply

    Boa iniciativa! Mas como cada atleta vão pagar R$ 150,00 a equipe campeã vai ganhar algum valor em dinheiro ou somente troféu e medalhas?

    • Suporte Informática Reply

      Bom dia,
      Premiação somente em medalhas.

      Atenciosamente,
      Equipe JOBIS.

Deixe um comentário